domingo, 31 de maio de 2009

É pra comer tudo!

Gente, olha vida de mãe é difícil. Servicinho esse esquisito em muitos momentos.
Eu estou há bastante tempo numa fase terrível com a Maria. Ela tem várias compesações, é alegre, divertida, inteligente, dorme a noite toda mas... COME NA MARRA. É isso mesmo, como quase aos tapas.
Todos os dias é exatamente a mesma ladainha... desenho, brinquedos, sucos e tal tal. Já levei na pediatra e ela disse que é normal (comprei vitaminas e ferro pq a safadinha tá anêmica), mas não me deu uma receita melhor.
A criança simplesmente fica com a comida dentro da boca e não engole... enquanto isso a mãe enlouquecida falando de 3 em 3 segundos: "Engole a comida filha, engole Maria, vou te matar Maria kkkk!"
Meu desespero já é tanto que já fiz de tudo que vocês possam imaginar. Deixei com fome (ela nem ligou); antecipei o horário do almoço, não dei a mamadeirinha do lanche só pra ela ficar com fome na hora do jantar, enfim, tudo tudo mesmo.
Deixo aqui meu lamento rsrs!
E quem quiser pode e DEVE dar muitos pitacos.

Beijo beijo

sábado, 30 de maio de 2009

Rir é o melhor remédio (pelo menos pra mim).

Depois de um post esquisito (tá melhorando a situação, acho que tô é doida rsrs), resolvi escrever esse aqui.
Estava pelo Youtube e vi um vídeo de uma bebedeira de uma menina que fez um monte de besteiras...
Ai lembrei de mim, há anos atrás quando eu ainda era uma pinguça (hj eu só bebo muito socialmente porque com criança não dá né).

Sábado de muito calor, sem nada pra fazer, Marido (que na época era namorado) chega lá em casa dizendo que queria sair, dar uma volta (milagre dos deuses, acho que essa foi a última vez q ele fez isso). Ai, sentamos no portão de casa (aqui no RJ, principalmente no subúrbio, as pessoas tem o hábito de sentarem em cadeirinhas de praia ou de vendedores no portão pra ver "as modas"), nisso passou um caminhão de som dizendo: Hj, excepcionalmente às 23h o forrózão do Cruz será realizado na quadra da escola de samba Portela (eu morava pertinho, dava pra ir a pé).

Ai eu falei:
EU: ô Amor, bora pro forró?
MARIDO: Sério Vê? Tu não sabe dançar, eu não sei dançar, vamo fazer o que lá?
EU: Ah cara, bora beber e rir dos outros.
MARIDO: Tá bom, bora ligar pra irmã (minha cunhada).

Eis que então fomos ao destino, eu , marido, cunhada, prima e namorado da cunhada.
A cerveja era R$ 1,50 a garrafa (olha só qto tempo tem isso), mas tinha um tal de "geladinho" que era R$ 0,50 o copo de 300ml, ou seja, a derrocada de meros mortais.

Ai qdo eu vi o preço, falei logo: quero esse ai, vem mais no copo e dá pra ficar doidona.
Ok, tomei o 1º copo e já senti subir um fogo (fogo de queimar mesmo, não fogo de dar) que cheou me dar calafrio. Tomei o 2º e já tava dançando como uma nativa nordestina. O negócio ficou tão esquisito que um rapaz, forrozeiro de 1ª linha me chamou pra dançar, eu doidona fui né. Ele veio todo respeitoso pedir pro marido e marido ainda falou assim: Tu quer dançar com ela mermo? Tá bêbada a coitadinha e ainda vai te pisar os pés!!!

Dancei. Ri pra cacete e o coleguinha me rodou pra lá, pra cá, e a cabeça começou a querer sair do corpinho (ou melhor corpão né, 1,80 manja), fui me sentindo leve, leve...
Pedi licença ao pé de forró e fui lá tomar mais "geladinho". Eis que me dá uma vontade de fazer xixi, fui ao banheiro e quando eu sentei na privada (ok, podem falar, mais eu tava ruim memso que sentei na privada), não consegui mais levantar. Fiquei ali coma cabeça rodando, dando cambalhotas e rindo horrores sozinha. Depois de muito tempo, sentiram minha falta e minha cunhada e a prima foram no banheiro saber de mim... tava na mão do palhaço!!!

Resumo da ópera (ops, forró), pernas cansadas, braços péssimos porque eu simplesmente fui carregada pelo marido até em casa. O mais triste foi ter dormido no sofá de dois lugares porque ele não quis acordar a minha mãe (na epoca ainda era solteira), ele tirou a minha roupa, me deu água, pegou uma toalha pra eu me cobrir, fechou a porta e ainda levou minha chave porque eu não sabia de nada...

O pior: o dia seguinte. Não lembrava de nada!

PS: Esse relato é todo do marido, porque eu só me lembro do convite do forrozeiro, o resto... só Jesus (ou melhor, só marido pra lembrar).

E viva a comunidade no Orkut que eu faço parte: QUEM NÃO BEBE NÃO TEM HISTÓRIA!

Beijo beijo

sexta-feira, 29 de maio de 2009

E enquanto isso na sala de justiça...

Quando a gente pode começar a detectar em si mesmo sinais de depressão?
Ok isso não será um post de 10 dicas de como detectar depressão retirada da revista Nova ou então criado por mim porque eu não sou psicóloga.
Mas anteontem, conversando com uma amiga, eu comecei a falar pra ela da minha vida, das coisas que andam acontecendo internamente em mim, fiz algumas confidências sérias e ela me perguntou assim: “Vê, você pode está iniciando um processo de depressão”!

Pausa pro silêncio louco e falta de palavras para digitar no MSN...

Ai eu respondi um Será bem xoxo e tratei logo de mudar de assunto. Mas no decorrer da conversa eu fiquei pensando, será que eu estou entrando num processo de depressão mesmo, ou eu to de sacanagem reclamando a toa da vida?

Pausa de novo... Óbvio que eu não escolhi nenhuma das respostas acima, preferi ficar na dúvida.

Mas ô treco chato essa dúvida! Porque não inventaram um lance mais curto e grosso, tipo as tais 10 dias da revista Nova?

Enfim, só sei que to aqui, continuo na dúvida (rsrs) e vou tentar procurar respostas em mim pra depois se não achar procurar um profissional.

Agora para curar qualquer sintoma lá vai a música que mais me deixa pra cima de todos os tempos. Quando estou triste é só ouvir, dançar e lembrar...



Beijo beijo.

Vê.

quarta-feira, 27 de maio de 2009

Distante calma

Na seção musical, escolhi essa música do Grande Pedro Mariano, que é artista que eu gosto tanto. Tenho o cd dessa música e sempre que ouço, me dá uma agradável sensação de esperança e de que todo mundo deve acreditar em algo ou alguma coisa.

Agora que to chique e consigo colocar vídeos, lá vai o vídeo da interpretação magistral (ok, eu sou muito fã tá) do lindo Pedro.

beijos beijos.





No giro do planeta eu me encontro só
procurando a estrela dos perdidos
pois acredito em sonhos, não em pedras
entre velhos, pobres e vencidos
ainda resta esperança e mágica
que fala pelos olhos dos aflitos

que venha a luz das estrelas
que venham sonhos da distante calma dos campos
celestiais sobre nós

um homem em pedaços hoje adormeceu
suportando a séculos de dor
mas acredito em sonhos, não no tempo
atravessado pela flamejante estrela
pois é preciso aliviar a culpa
e espalhar as cinzas pelo vento

que venha a luz das estrelas
que venham sonhos da distante calma
dos campos celestiais sobre nós

terça-feira, 26 de maio de 2009

E o tempo... como está?

Nossa como o tempo passa rápido. A cada ano a gente tem a sensação de que os dias passam mais depressa. Existem teorias totalmente científicas para isso, mas eu sinceramente não sei quais são rsrs.
Por que então falar disso em pleno meio do ano?
No último domingo, dia 24, um amigo faria 29 anos de idade se vivo estivesse.
Ai conversando com a Val, do
Val Legal que é minha amiga de infância e também conhecia muito bem o falecido, lembramos que o rapaz esse ano já vai fazer 3 anos de morto.
Gente está voando o tempo. Eu acho até que eu postei sobre essa questão a um tempo atrás, vou até ver, senão, mais tarde eu conto a história da nossa amizade aqui.
Enfim, os dias cada vez mais expressos. As pessoas cada vez menos intensas. A vida seguindo um curso meteórico.

E eu? Andando de jumento né? Porque só pode ser. Ô vidinha mais sem graça essa minha kkkkkk.

Ok, ok, não reclames pessoa, afinal você é glamourosa...

Então lá vai a promessa das 5 coisas que me fariam mais glamourosa (não to a fim de procurar fotos ta).

1 – Um notebook rosa da Intel.
2 – Um ECO SPORT lindo, filmado, blindado e preto.
3 – Uma casa com 4 quartos e um quintal bem grande.
4 – Uma bolsa Prada e um sapato Dior (sou mulherzinha sim, não se esqueça).
5 – Um emprego né, pra usar o notebook rosa, ir de ECO SPORT, usar a bolsa Prada e o sapato Dior e receber meus coleguinhas de trabalho na minha casa de 4 quartos.

Beijos beijos.

Vê.

PS: Só passei o selo para 4 amigas, não tenho tantas amigas “blogueiras” assim.

segunda-feira, 25 de maio de 2009

Ganhei...

Povo do meu Brasil... kkkkkk!

Acabei de ganhar um prêmio muito legal.

A Sah do Coisas e Coisinhas me indicou agora mesmo para o prêmio e estou hiper feliz.



Bem mas tem umas que preciso seguir.

Vamos às regras:


1. Deve exibir o selinho em seu blog.
2. Postar o link do blog que te indicou.
3. Listar 5 desejos de consumo que a deixariam mais glamurosa.
4. Indicar 10 amigas glamurosas e avisá-las que foram escolhidas.



Vou indicar:


Relações e Enrolações, de Dani.

Val Legal, de Valéria.

Quase 3.0, de Carol.

D@ni's, de Dani CG.


Tá faltando mais gente que eu preciso pensar.

Amei o prêmio e tô amando ser blogueira.

Bjos.
Vê.

Mais de mim.

1) Onde está seu celular? Na mesa da sala, desligado.
2) E o namorado? Marido deitadinho quietinho só me esperando.

3) Cor do cabelo? Xiiii, já tive tantas...
4) O que mais gosta de fazer? Comer e dormir
5) O que você sonhou na noite passada? Sonhei que meu pai me dizia que eu ia ganhar um irmãozinho (tenho 28 já imagina, um irmão mais novo que minha filha).
6) Onde você está? Em casa, são 00:06.
7) Onde você gostaria de estar agora? Em São Paulo, numa boate beeeem badalada, dançando muito.
8) Onde você gostaria de estar em seis anos? Fazendo doutorado na Inglaterra (detalhe nem passei pro mestrado ainda).
9) Onde você estava há seis anos? Aqui mesmo, no Rio, trabalhando e estudando muito, ainda estava na faculdade. Porém estava noiva com quase tudo pronto pra casar.
10) Onde você estava na noite passada? Aqui em casa no MSN com as amigas.
11) O que você não é? Organizada

12) O que você é? Muito preguiçosa.
13) Objeto do desejo? Um notebook rosa e um carro Eco sport Preto filmado e blindado.
14) O que vai comprar hoje? NADA, não tenho dinheiro.
15) Qual sua última compra? Um Bauru delicioso pro jantar de ontem, 1 pacotão de fraldas, lenço umedecido e pomada anti-inseto para minha bb.
16) A última coisa que você fez? Uma mamadeira pra bb.
17) O que você está usando? Camiseta branca do Mickey e calcinha preta.

19) Seu cachorro? Não curto animais de estimação.
20) Seu computador? Funciona bem mesmo.
21) Seu humor? Ácido
22) Com saudades de alguém? Sim! Muita, muita e tenho certeza que a recíproca é verdadeira.
23) Seu carro? Sou pobrinha, não tenho carro não.
24) Perfume que está usando? Thaty

25) Última coisa que comeu? Um hambúrguer delicioso
26) Fome de quê? De trabalho.

27) Preguiça de… ? De arrumar a casa todos os dias.
28) Próxima coisa que pretende comprar? Uma tv nova.
29) Seu verão? O último foi bem quente, moro no Rj né! Mas amo essa estação.
30) Ama alguém? Minha mãe, minha filha, meu marido, minhas primas e primos, minhas amigas, minhas tias, aff... amo muita gente até que não devia rsrs.

31) Quando foi a última vez que deu uma gargalhada? Hoje de tarde num almoço de aniversário do meu melhor amigo e padrinho de casamento.
32) Quando chorou pela última vez? Hoje! Lembrando de alguém que faleceu e se vivo estivesse faria 29 anos em 24/05. Um grande amigo, que se deixou levar pelas loucuras da vida e... MORREU jovem.

33) Vai passar isso aqui pra alguém? Podem pegar a vontade, eu peguei também rsrs.

Beijo beijo

sábado, 23 de maio de 2009

Só faço besteiras.

Gentem, finalmente mudei o estilinho do blog, mas...
Isso me custou muito, perdi muita coisa e aos poucos vou organizando de novo tá.
Espero que gostem, mas o video ainda nada...
Beijos e queijos.

QUE RAIVA!

QUERO POSTAR UM VIDEO MAIS ESSA DROGA NÃO ACEITA!!!!!!!

Doce delícia.

Quem me conhece sabe o quanto eu sou musical e que minha vida tem trilhas sonoras para todos os momentos.

Exatamente nesse momento atual da minha vida, tem uma música que tá me traduzindo muito, me relembrando, me reconhecendo e me descobrindo.

Fora que o clipe é delicioso de ver. Sexy, sensual e LINDO!

Tô enamorada! Viva o John Legend!





Consegui colocar o vídeo. Graças a um blogueiro que me ajudou, depois coloco aqui o link do blog dele... eu queria mesmo o video do clipe, mas o que me me traduz é a musica em si, quem puder veja o clipe é show.

Beijos beijos

sexta-feira, 22 de maio de 2009

Ainda no quesito barriga...

HOMEM BARRIGUDINHO
Texto de Danusa Leão para o Estado de São Paulo.

Meninas de todo o Brasil, tenho um conselho valioso para dar aqui: se você acabou de conhecer um rapaz, ficou com ele algumas vezes e já está começando a imaginar o dia do seu casamento e o nome dos seus filhos, pare agora e me escute! Na próxima vez que encontrá-lo, tente (disfarçadamente) descobrir como é sua barriga. Se for musculosa, torneada, estilo 'tanquinho', fuja! Comece a correr agora e só pare quando estiver a uma distância segura. É fria, vai por mim.

Homem bom de verdade precisa, obrigatoriamente, ostentar uma barriguinha de chopp. Senão, não presta. Veja bem, não estou falando daqueles gordos suados, que sentam horas na frente da televisão com um balde de frango frito e que, quando se abaixam, mostram um cofre peludo. Não! Estou me referindo àqueles que, por não colocarem a beleza física acima de tudo (como fazem os malditos metrossexuais), acabaram cultivando uma pancinha adorável. Esses, sim, são pra manter por perto. E eu digo por quê. Você nunca verá um homem barrigudinho tirando a camisa dentro de uma boate e dançando como um idiota, em cima do balcão. Se fizer isso, é pra fazer graça pra turma e provavelmente será engraçado, mesmo.

Já os 'tanquinhos' farão isso esperando que todas as mulheres do recinto caiam de amores - e eu tenho dó das que caem. Quando sentam em um boteco, numa tarde de calor, adivinha o que os > pançudos pedem pra beber? Cerveja! Ou Coca-cola, tudo bem também. Mas você nunca os verá pedindo suco ou coca-light.> Ou, pior ainda, um copo com gelo pra beber a mistura patética de vodka com 'clight' que trouxe de casa... E você não será informada sobre quantas calorias tem no seu copo de cerveja, porque eles não sabem e nem se importam com essa informação. E no quesito comida, os homens com barriguinha também não deixam a desejar. Você nunca irá ouvir um 'ah, amor, 'Quarteirão' é gostoso, mas você podia provar uma 'McSalad' com água de coco'.

Nunca! Esses homens entendem que, se eles não estão em forma perfeita o tempo todo, você também não precisa estar. Mais uma vez, repito: não é pra chegar ao exagero total e mamar leite condensado na lata todo dia! Mas uma gordurinha aqui e ali não matará seu relacionamento. Se ele souber cozinhar, então, bingo! Encontrou a sorte grande, amiga... Ele vai fazer pra você todas as delícias que sabe, e nunca torcerá o nariz quando você repetir o prato. Pelo contrário, ficará feliz. Outra coisa fundamental: homens barrigudinhos são confortáveis! Experimente pegar a tábua de passar roupas e deitar em cima dela. Pois essa é a sensação de se deitar no peito de um musculoso besta. Terrível! Gostoso mesmo é se encaixar no ombro de um fofinho, isso que é conforto. E na hora de dormir de conchinha, então? Parece que a barriga se encaixa perfeitamente na nossa lombar, e fica sensacional.

Homens com barriga não são metidos, nem prepotentes, nem donos do mundo. Eles sabem conquistar as mulheres por maneiras que excedem a barreira do físico. E eles aprenderam a conversar, a serem bem humorados, a usar o olhar e o sorriso pra conquistar. É por isso que eu digo que homens com barriguinha sabem fazer uma mulher feliz.. e, quem gosta de homem bonito e sarado, é viado. Completando, alguém já disse que "de que vale um Tanquinho definido se atorneira não tem "vazão".


SALVE DANUZA! Nossa como eu vi meu marido nessa descrição. Não é sarado, porém é gostoso que dói. Tem uma barriga que na hora da conchinha encosta direitinho na minha lombar kkkk.
Viva os deliciosos barrigudinhos.

quinta-feira, 21 de maio de 2009

Barriga é barriga - por Arnaldo Jabour

Barriga é barriga, peito é peito e tudo mais. Confesso que tive agradável surpresa ao ver Chico Anísio no programa do Jô, dizendo que o exercício físico é o primeiro passo para a morte. Depois de chamar a atenção para of ato de que raramente se conhece um atleta que tenha chegado aos 80 anos e citar personalidades longevas que nunca fizeram ginástica ou exercício -entre elas o jurista e jornalista Barbosa Lima Sobrinho - mas chegou à idade centenária, o humorista arrematou com um exemplo da fauna: A tartaruga com toda aquela lerdeza, vive 300 anos. Você conhece algum coelho que tenha vivido 15 anos?
Gostaria de contribuir com outro exemplo, o de Dorival Caymmi. O letrista compositor e intérprete baiano era conhecido como pai da preguiça. Passava 4/5 do dia deitado numa rede, bebendo, fumando e mastigando. Autêntico marcha-lenta, levava 10 segundos para percorrer um espaço de três metros. Pois mesmo assim e sem jamais ter feito exercício físico viveu 90 anos.
Conclusão: Esteira, caminhada, aeróbica, musculação, academia? Sai dessa enquanto você ainda tem saúde... E viva o sedentarismo ocioso!!! Não fique chateado se você passar a vida inteira gordo. Você terá toda a eternidadepara ser só osso!!!
Então: NÃO FAÇA MAIS DIETA!! Afinal, a baleia bebe só água, só come peixe, faz natação o dia inteiro, e é GORDA!!!
O elefante só come verduras e é GORDOOOOOOOOO!!!
VIVA A BATATA FRITA E O CHOPP!!!
Você, menina bonita, tem pneus? Lógico, todo avião tem!
E nunca se esqueçam: 'Se caminhar fosse saudável, o carteiro seria imortal'

FANTÁSTICO!
VIVA AO JABOUR, SEMPRE INTELIGENTE E PERSPICAZ.
TUDO BEM A BARRIGA, MAS A MINHA TÁ CHEIA DE ESTRIAS KKKK.
A CULPA É DE QUEM? MARIA ÍSIS.
Beijos

quarta-feira, 20 de maio de 2009

Blogs alheios: coisas muito interessantes, mas interessantes mesmo.

Passeando pela blogsfera, achei novamente o Menina de Óculos (ai que lindo que a Sah do Coisas e Coisinhas me ajudou e agora sou chique benhê), então ai lendo o blog, vi uma parada super legal que eu pedi a ela pra copiar. Vamos responder algumas perguntas com letras de música.
Responderei as minhas e quem comentar, responde uma nos comentários que tenha sido relevância tá.

1- Qual o seu nome?
“Eu queria ser essa metamorfose ambulante... do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo...” (Raul Seixas)

2 - Onde você mora?
“Rio, seu mar, praia sem fim. Rio, você foi feito prá mim..." (Tom Jobim).

3 - Descreva-se.
"Eu sou feita pro amor da cabeça aos pés e não faço outra coisa do que me doar..." (Ana Carolina)

4 - O que as pessoas pensam sobre você?
"Eu não sou diferente de ninguém Quase todo mundo faz assim Eu me sinto bem melhor Quando está mais pra bom que pra ruim Não sou de causar impacto Nem tão pouco sensação E o que eu digo é muito exato É o que cabe na canção...” (Lulu Santos)

5 - Onde queria estar agora?
"Alguma coisa acontece no meu coração, pois só quando cruzo a Ipiranga e a Av. São João..." (Caetano Veloso).

6 - Como é sua vida?
“Deixa esse filme rodar Deixa essa estrela brilhar, não quero nem saber, Eu sei que sempre vale à pena Outra cena de cinema acontecer...” (Luciana Mello)

7 - O que pediria se tivesse apenas um desejo?
“Hoje é você que vai ter de chorar...você vai ver...” (Pedro Mariano)

8 - O que você vê ao seu redor?
“A burguesia fede A burguesia quer ficar ricaE nquanto houver burguesia Não vai haver poesia...” (Cazuza)

9 - Como está o seu coração?
“Eu sou sua menina, viu? E ele é o meu rapaz Meu corpo é testemunha do bem que ele me faz...” (Chico Buarque)

10 - Fale sobre seu passado.
'Cause the joke that you laid in the bed That was me, and I'm not going to fade as soon As you close your eyes, and you know it And everytime I scratch my nails Down someone else's back, I hope you feel it. Well, can you feel it? (Alanis Morissette – You oughta know)

11 - Escreva uma frase sábia.
“Sabe lá o que é não ter e ter que ter pra dar. Sabe lá, Sabe lá...” (Djavan).

12- Agora, despeça-se.
“CARIOCAS NASCEM BAMBAS CARIOCAS NASCEM CRAQUES CARIOCAS TÊM SOTAQUE CARIOCAS SÃO ALEGRES CARIOCAS SÃO ATENTOS CARIOCAS SÃO TÃO SEXYS CARIOCAS SÃO TÃO CLAROS CARIOCAS NÃO GOSTAM DE SINAL FECHADO.” (Adriana Calcanhotto)

segunda-feira, 18 de maio de 2009

Ainda lembro o que passou...

No título usando Marisa Monte que eu nem gosto muito, mas foi a melhor frase que eu encontrei para este post de hoje.
Estava eu relendo o que eu venho escrevendo no blog desde o dia que resolvi criá-lo, eis que então me lembrei de um episódio que aconteceu comigo lá nos idos de 19quandoeueravirgem.
Pois então.
EU já tinha 19 anos e ainda não tinha sido inaugurada. Todas as amigas zoavam, eu me achava estranha, mas tinha meus motivos (fortes e sérios) para não me entregar a qq um.
Mais ai conheci o Rafael (nome fictício). Gatinho, cheiroso, carinha de anjo e o principal: Maior que eu. É gente, homem maior que eu sempre foi um problema, eu tenho 1,80 e sempre foi um parto, tanto é que marido é menor que eu uns 4 centímetros.
Então, voltando ao Rafael. Conheci ele num baile charm (eu amo charm), tava lá bonito, dançando (amo homens que dançam com sensualidade e sem exagero) e eu olhando. Resolvi então seduzir. Fiquei naquela troca de olhares e até que segura de mim resolvi chegar em cima e falei: Acende meu cigarro? E ele prontamente aceitou meu pedido. Ok... Papos meio incoerentes, mas uma boca gostosa; não falava quase nada, mas a pegada era boa, ele disse que tinha 17 anos, mas... Ops, 17? Como assim? Eu trabalho, tô na faculdade e ficando com um menino de 17? Ah dane-se, eu quero é ser amassada...
Todos os domingos a gente se via no mesmo lugar, e as vezes nos sábados íamos pra outra nightzinha. Até q ele começou a frequentar minha casa, foi no meu aniversário, me deu uma aliança de compromisso que hoje eu sei que imitava o Blue Marine da H. Stern, e eu achei o máximo!
Ok, dias e dias se passaram e nessa época minha mãe trabalhava num regime de plantão que ficava 48 horas fora de casa e como só morávamos eu e ela, geralmente eu ficava sozinha. Ai pensei: Poxa, tá na hora de dar né. O menino é legal, bonzinho, gosto dele, vai rolar.
Preparei todo o clima, velas, incensinho, prosecco (claro que tinha q ter prosecco), e achei q ia me dar bem.
Comprei uma lingerie especial, perfume importado e parti pro abraço.
Só que na hora H, no meio do amasso o telefone do menino tocou.

- Oi
- Oi porra nenhuma, você está aonde?
- Na casa de um amigo.
- Que amigo merda, já são 22:30 e você tem aula amanhã FDP!
- Calma ai mãe, tô saindo daqui a pouco, me dá mais meia hora.
- Claro que não, se você ficar em recuperação em matemática de novo esse ano eu MATO você.
- Tô indo mãe, tô indo, chego ai em 20 minutos.

É galera, minha noite de amor acabou com um big esporro da "sogra" e um TE LIGA, quem mandou querer namorar fedelho, isso que dá!

Beijos para todos e venham me visitar, tô sentindo falta!

sexta-feira, 15 de maio de 2009

Dia 15 de maio - dia do assistente social.

Bem amigos, quem acompanha o blog e quem me conhece sabe da minha verdadeira paixão pelo serviço social. Me identifiquei com a profissão desde o momento que comecei a saber mais sobre ela através de um teste vocacional que eu fiz lá atrás na época do pré vestibular.
Ai numa das universidades que eu me inscrevi, coloquei a opção para serviço social. Ok... passei, cursei com muita dificuldade porque eu trabalhava muito longe da universidade, no bairro da Barra da Tijuca e estudava em Niterói, pra quem é do RJ, sabe como é longe, o trânsito enorme e muitas vezes os atrasos nas barcas me impediam de chegar na hora.
Enfim, depois de greves, monografia e muita loucura, me formei em junho de 2006, 2 períodos depois do previsto, já que o curso tem 9 períodos.
No ano seguinte, consegui meu primeiro e único emprego na área. Numa cidade longe da capital chamada Paracambi. Muita luta, acordando muito cedo e chegando muito tarde, pouco tempo para a família e para os amigos, e o mais interessante, carregando uma barriga durante 9 meses, já que neste ano eu engravidei e tive Maria Ísis.
Depois disso, não consigo mais emprego. Ah ok, vão me dizer - Faça concursos! Sim, eu devo, mas para isso precisa de grana para pagar as inscrições (hj tenho outra prioridade) e tempo para estudar (minha nova prioridade me toma todo o tempo que tenho).
Vi amigos prosperando, outros morrendo, outros desistindo da profissão, outros mudando de cidade, de país, enfim coisas diversas aconteceram desde aquele setembro de 2000 quando assisti a primeira apresentação na universidade.
Mesmo assim, com todas as adversidades, eu nunca desisti. Tenho sempre na minha mente que poderei contribuir e muito para o esclaremento e a garantia de direitos das pessoas que necessitarel do serviço social.
Amo a minha profissão, sou uma excelente profissional e sei que meu futuro ainda sera brilhante.
Então desejo de todo o coração um FELIZ DIA DO ASSISTENTE SOCIAL para todos colegas de profissão, amigos de luta e para mim também.
Agradeço todos os dias pela minha escolha e sei que não seria tão feliz se no dia da minha formatura tivesse me tornado em Bacharel em Serviço Social, Assistente Social.
Deixo aqui meu ideal: Por uma sociedade mais justa, menos excludente, preconceituoso e desigual.

Beijos calorosos.
Veronica.

PS: Beijos especiais para a minha turma - Universidade Federal Fluminense - 2º semestre de 2000, sendo representada pela querida Letícia, que faleceu em abril desse ano, a profissional mais obstinada e consciente que pude conhecer.

terça-feira, 12 de maio de 2009

Dar ou não dar?

Aproveitei que li um post acho que no blog Elas/Eles e resolvi postar esse aqui no meu pegando uma caroninha no assunto.
Esse texto eu tinha guardado a muito tempo nas pastas do meu email. Recebi de uma amiga quando ainda era solteira (nossa faz é tempo rsrs), ai fazendo uma faxina, (re) li e cá está ele.
Beijos pessoas e um obrigado especial pra Carol (Quase 3.0) pelo comentário lindo no post passado.



DAR OU NÃO DAR?

Dar não é fazer amor.
Dar é dar.
Fazer amor é lindo, é sublime, é encantador, é esplêndido.
Mas dar é bom pra cacete.D
ar é aquela coisa que alguém te puxa os cabelos da nuca...Te chama de nomes que eu não escreveria... Não te vira com delicadeza...Não sente vergonha de ritmos animais.
Dar é bom. Melhor do que dar, só dar por dar. Dar sem querer casar....Sem querer apresentar pra mãe... Sem querer dar o primeiro abraço no Ano Novo.
Dar porque o cara te esquenta a coluna vertebral... Te amolece o gingado...Te molha o instinto. Dar porque a vida é estressante e dar relaxa.D ar porque se você não der para ele hoje, vai dar amanhã, ou depois de amanhã.
Tem pessoas que você vai acabar dando, não tem jeito. Dar sem esperar ouvir promessas, sem esperar ouvir carinhos, sem esperar ouvir futuro. Dar é bom, na hora. Durante um mês. Para os mais desavisados, talvez anos.Mas dar é dar demais e ficar vazio.Dar é não ganhar.É não ganhar um eu te amo baixinho perdido no meio do escuro. É não ganhar uma mão no ombro quando o caos da cidade parece querer te abduzir. É não ter alguém pra querer casar, para apresentar pra mãe, pra dar o primeiro abraço de Ano Novo e pra falar: "Que que cê acha amor?". É não ter companhia garantida para viajar. É não ter para quem ligar quando recebe uma boa notícia. Dar é não querer dormir encaixadinho... É não ter alguém para ouvir seus dengos... Mas dar é inevitável, dê mesmo, dê sempre, dê muito. Mas dê mais ainda, muito mais do que qualquer coisa, uma chance ao amor.
Esse sim é o maior tesão.
Esse sim relaxa, cura o mau humor, ameniza todas as crises e faz você flutuar
Experimente ser amado...

Luiz Fernando Veríssimo.

domingo, 10 de maio de 2009

Feliz dia das mães.

Oi pessoal.

Tô aqui ainda em tempo para desejar um feliz dia das mães a todas as mães que me cercam, que cercam vocês leitores, enfim aquelas que são realmente mães no corpo e na alma.


Em especial desejo tudo de bom para a minha mãe maravilhosa; minhas tias lindas, minha primas Dani e Lu, minhas amigas, Isa, Dani, Renata, Bonanno e Valéria (se esqueci de alguém perdõem tô com sono rsrs).

Parabéns também para minha sogra e minha cunhada.


Mas o mais gratificante de tudo é ser mãe. Eu estou no meu terceiro dia das mães. Vocês podem achar estranho essa conta já que minha filha ainda tem 1 ano e 7 meses. Mas ela nasceu em outubro de 2007, e eem maio eu já estava grávida de quase 4 meses se não falha a memória.

Em 2008, ela já tinha 7 meses, então esse ano é meu terceiro dia da mamãe.


Quero aproveitar para exaltar todo o amor que eu tenho por essa criança. Realmente é algo de outro mundo, incondicional, cheio de doces delícias que só quem é mãe sabe. Através da minha filha, fiz novas descobertas, aprendi coisas novas e comecei a dar valor a muita coisa que minha mãe sempre falou e eu achava besteira.


Obrigada Maria Ísis por me proporcionar momentos tão lindos e doces. Eu amo muito você pequenina.



Essa é minha gatinha!


Beijos calorosos para vocês.
Veronica, mãe muito feliz.

quinta-feira, 7 de maio de 2009

Os malucos que atacam nossas vidas.

Eu tinha prometido que não iria mais postar "livros", mas esse merece destaque e atenção. Aconteceu realmente comigo e queria dividir com vocês porque achei sério.
Um dia lá atrás eu falei sobre anonimato né? Falei dos riscos, das aventuras, das sensações de prazer e dos tombos, pois é, eis que agora vou dar ênfase a um tombo em específico.


Também lá atrás, eu disse q tinha sofrido uma traição e tal. Pois é a maluca que foi protagonista dessa história passada resolveu me atacar. Claro que não fisicamente senão ela estaria morta, eu presa e minha filha sem mãe rsrs. Mas usou o Orkut para tal. Bem depois de tentar destruir a minha família (claro que o boboca do marido teve culpa tb), não se dando por satisfeita, ela criou um perfil falso de um suposto amigo que eu tinha de internet. Por alguns dias, talvez semanas, eu acreditei q fosse o menino mesmo, 12 anos se vê-lo, as pessoas mudam e envelhecem, só que num dado momento eu começei a perceber que as coisas não se encaixavam, mas resolvi dar corda.


Começou um jogo de sedução idiota, que eu entrei sabendo, ai contei tudo ao meu marido e resolvi prosseguir, enviei emails correspondendo a tal paixão, logo depois chegaram mensagens no celular do meu marido gerando dúvida da minha fidelidade. Enfim, os papos continuaram, comentários em fotos e coisa e tal. Só que a gota d'agua foi quando ela começou a fechar o cerco. Primeiro adicionou a ex do antigo/atual/sei lá se é verdade/ namorado dela. Esse cara mora na Espanha e na epoca do caso dela com meu marido eu entrei em contato com ele pra contar. Qdo eu vi isso, resolvi adicionar a menina tb, hj temos uma relação ótima.


Depois disso, ela criou um outro perfil falso como se fosse o "estrangeiro", assim poderia monitorar a mim e a menina de uma só vez, de dois lados. Ai vieram as loucuras, ela conversava tb com a menina no msn se dizendo o tal homem, e a menina ficou encantada com o rapaz e me pediu pra dar mais informações sobre ele, só que um belo dia, recebi a informação que todas as conversas que tinhamos, eu com ele e a menina com ele iam parar num email de alguém que tá nas Espanha. Como assim? É amigos, assim mesmo. Então eu e a menina chegamos a conclusão líquida e certa que ELE E ELA (CADELA) eram as mesmas pessoas.


Ai viram as adições - 1º de uma inimiga da menina, depois uma amiga minha, meu marido, enfim, foi criando uma rede doida, mas mesmo assim eu resolvi continuar dando corda pra se enforcar.


EU sempre falava da cadela pro suposto amigo, até numa de descobrir algo, ai "ele" dizia que queria conehcer, já que era alguém que me incomodava tanto, disse q tentou adicionar mais não conseguiu (mentia). Até q esqueceu e adiciou uma pessoa que deixou um scrpa pouco usual para alguém que tinha relações com pessoas cultas. Quando fui olhar as fotos dessa pessoa q deixou o scrap quem era a modelo que posava pra um ensaio fotográfico da dona do perfil? Isso ai galera, a cadela!


Pronto, ai fiquei p.... da vida e resolvi escrachar a parada.
Mandei um recado bem audacioso, escrevi poucas e boas.
Ai o suposto amigo resolveu tentar apelar pelo sentimento.
Eu disse, ok, quer provar que é vc mesmo (já sabia q não) liga pra mim, ai ele disse - não tenho telefone em casa - eu falei então, ok, me dá meia hora e me passa um telefone pra eu te ligar... ele passou, mas eu não liguei e ainda excluí do Orkut.
Depois veio um recado dizendo que eu era injusta e tal e no final acabou assim: Por favor, não me liga não!




Ufa... resumidamente grande a história né.
Porque postei isso?
Pra mostrar que essa exposição, as vezes é boa mas atraí gente maluca, cheia de pensamentos maléficos e que se você não tiver sensatez e maturidade, acaba entrando pelo cano. Agora sinceramente, o Rio de Janeiro é grande, mas Deus sempre coloca as coisas na mão de quem é bom, espero com afinco encontrar essa louca, porque quando isso acontecer... Ai Jesus, apaga a luz pq será impróprio pra menores.


Beijos calorosos e com saudades de alguns. Visitem poxa!