quarta-feira, 8 de março de 2017

Feliz dia da mulher?

Desculpa, mas eu não quero parabéns!

Quero caminhar sem medo de ser estuprada, violada, assassinada.

Quero que o homem que eu escolher para viver não se ache no direito de se sentir superior.

Quero o meu salário equiparado.

Quero poder ter quantos filhos eu quiser e mesmo assim poder voltar ao mercado de trabalho normalmente após cada licença maternidade.

Quero não ter que ficar provando o tempo todo que sou capaz de realizar x ou y.

Quero ser respeitada se eu escolher ser puta, se eu for mulher trans, respeito em triplo.

E se eu me relacionar com uma outra mulher, nós seremos um casal igualmente ao senhor e a sua esposa, e não apenas um fetiche de pornozão lésbico.

E não venha com essa babaquice de dizer que direitos iguais seríamos eu e você carregarmos um saco de cimento...

Para todas as mulheres eu peço SORORIDADE.

Para os machos eu ordeno RESPEITO!


Segue o fluxo.

Beijos de luz,