sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

É meu, ninguém tasca e só quem fala mal sou eu.

Ser carioca...

Sim; nós falamos mal da nossa cidade.

Criticamos o Prefeito, metemos o malho no governador do Estado. 

Mas somos igualzinho a mãe coruja, só nós podemos falar do "filho querido".

Porque se alguém o fizer, viramos bichos! 

Ser carioca é algo que não dá pra definir, só sendo pra saber. 

E nada dos clichès de ver o por do sol, andar de bicicleta na Lagoa e bla blá blá.

Carioca de verdade senta no portão numa noite de verão pra tomar cerveja com os vizinhos; 

Sempre arruma motivo pra rolar um churrasco; 

Sabe exatamente a distância entre sua casa e a praia e o quanto vai se aborrecer no caminho, mas mesmo assim não desiste de ver o mar e dar aquela caída! 

De Santa Cruz ao Leblon; 
da Rocinha a Marechal; 
da Penha a Barra; 
de Sepetiba a Rocha Miranda, 
da Ilha a Oswaldo Cruz, Campo Grande e todos os demais bairros da cidade.

Ser carioca é morar em qq um deles e sentir o mesmo orgulho da naturalidade independente do endereço!


ESCREVI ESSE TEXTO TEM UM TEMPO ENORME E RESOLVI RESGATAR LÁ DO FACEBOOK E COMPARTILHAR AQUI COM VOCÊS. ESPERO QUE CURTAM!

Beijos,
Vê 

quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

Feliz Natal

Então é Natal!
E dai? Se você não comemora, respeito você. 
Se você ama, também respeito. 
Se acredita em Deus, te respeito, se não acredita, respeito também.
Para todos os meus queridos amigos eu desejo amor.
Amor sim, mesmo que o seu colega tenha votado no Aecio quando vc defendia a Dilma ou então se ele votou na Dilma quando você defendeu o Aecio.
Amor quando você faz o bem sem olhar a quem.
Amor quando você transmite coisas boas no seu olhar mesmo estando despedaçado por dentro.
Amor pela família, pelos amigos, pelas suas escolhas, por si mesmo.
Seja lá qual for a sua crença, não importa qual é a minha, que o dia de hoje seja celebrado com amor.
Só isso!
Feliz Amor, ops, Feliz Natal.


Com amor, Vê

domingo, 14 de dezembro de 2014

Minhas lindezas.

Amo mais que tudo! Minhas preciosidades. A razão dos meus dias mais bagunçados e coloridos.
Maria Isis e Selena Rosa.
Um carioca;
A outra Piracicabana.
Uma irmã da outra; a outra a cara da uma.
Uma surpreendeu e a outra estreou.
Obrigada meu Deus pela oportunidade de ser mãe.
Vê.