sexta-feira, 13 de agosto de 2010

O que os meus olhos vêem.

Sexta feira é um dia muito esperado. É o povo que trabalha querendo que chegue o final de semana, alunos loucos para se livrarem dos professores; aquele diazinho que a galera toma seu choppinho depois do expediente; o mundo querendo voltar pra casa na mesma hora; tem aquele trocadilho "Sexxxxxxxxta feira"; enfim, é o dia mais querido da semana.

E hoje, em especial as pessoas ficaram estranhas (risos); A tal Sexta Feira 13, ainda por cima do mês de agosto, o "famoso" mês do desgosto.

Meu dia foi ótimo, tranquilo, com bastante trabalho, aniversário de 51 anos de uma tia querida, festinha em família, tudo nos conformes.

Mas eu vim aqui pra contar uma coisa que eu vi hoje voltando do trabalho. Um baita engarrafamento, eu, mil pessoas no ônibus, meu MP3 e meus olhos que olham tudo. Vi vários bares com a galera celebrando e num desses bares tinha um videokê. Confesso a vocês que eu acho videokê uma coisa bem divertida quando você está em casa ou num bar com uma galera bem animada pra zonear bastante.

Só que nesse bar com videokê eu vi um sujeito SOZINHO, com uma carinha do tipo "Tô bêbado mesmo e qual o problema, o dinheiro é meu", cantando Garçon para um platéia de 2 pessoas: o atendente e o garçon. Curioso né! Pois é, foi o que eu pensei.

Cada um celebra a sua sexta feira do jeito que pode e que quer. Por vários minutos eu fiquei olhando e pensando o porquê daquela pessoa estar ali, sozinha, cantando pra ninguém. Pensei rapidamente onde poderia estar sua família, seus amigos e senti dó do homem.

Pretensão pura a minha, mas foi o que aconteceu. Vi solidão no jeito daquele homem; nas roupas dele; no tipo do bar que ele estava.

Mas como era uma sexta feira e 13 ainda por cima, parei e pensei: É, cada maluco com a sua mania e com suas loucuras.

Tratei de me concentrar no som e torcer pra não demorar tanto pra chegar em casa, afinal, eu tb queria celebrar a minha sexta feira 13!

Beijos a todos

3 comentários:

Dama de Cinzas disse...

Tem muita gente solitária no mundo... Eu como sou uma das, em alguns aspectos por opção e noutros por situações impostas. Simplesmente me acostumei a fazer coisas sozinha e gosto... Acho que passei minha vida mais sozinha do que acompanhada e acabei me acostumando e hoje em dia gosto... rs...

Exatamente por sair só que identifico muitas pessoas iguais a mim... E bom que solitários se encontram e fazem companhia um ao outro por um tempinho... rs

Não há nenhuma mal em ser só, desde que você conviva bem com isso. O problema está quando não se aceita, aí vira um inferno...

Beijocas

Danielle disse...

Sexta feira é um dia realmente muito esperado, adoroooo.

13 o nº mais lindo do mundo, de muita sorte (é o meu time do coração que se chama TREZE FUTEBOL CLUBE). E lá vem vc dizendo que os alunos ficam loucos p/ se livrarem dos professores...ai que maldade com minha pessoa. hehehe.

Passei só p/ dzr que te adoro mais uma vez....

Mulher Faladeira disse...

Pois é Vê a gente tem essa tendencia de ver o mundo a partir dos nossos parâmetros, mas como a Ddama disse, pode-se ser mais feliz na solidão do que se pensa. Afinal, já diz o ditado: Antes só do que mal acompanhado... Rsrsrsr.
Agora quanto a sexta-feira 13 ser um dia de azar como dim por aí, acho que não é ruim não. Pelo menos pra mim nunca foi. Afinal encontrei nenhum Jason pela frente. kkkk!
Na verdade até já conteceram coisas muitos boas em algumas SEXta-feira 13, se é que vc me entende.
bjs amiga,
saudades.

E ai, como está sendo o novo trabalho de AS, tá gostando?